O presidente da Comissão Permanente de Segurança Pública da Assembleia Legislativa do Estado do Amazonas (Aleam), deputado Cabo Maciel (PR) voltou a destacar a importância dos defensores públicos Rodolfo Lobo, Roberta Barbosa e Gabriela Andrade, que a partir desta terça-feira (12), passam a atuar no Polo Zeca Pontes, instalado, em 2017, pela Defensoria Pública do Estado (DPE-AM), no município de Parintins (a 396 km de Manaus).

Desde segunda-feira (11), o parlamentar está na Capital Federal cumprindo agenda de reuniões com a bancada amazonense na Câmara e no Senado Federal. Cabo Maciel representa o Amazonas nesta terça-feira (12) no 1º Simpósio “A Reforma da Previdência” — “A Reforma que Defendemos”, promovido pelo Gabinete Integrado dos Profissionais de Segurança Pública e do Ministério Público. O encontro vai discutir a nova aposentadoria para os militares federais e estaduais.

De Brasília (DF), o deputado do PR destacou que a Comissão de Segurança Pública da Assembleia e a DPE-AM tem uma parceria histórica na garantia dos direitos e defesa do cidadão no Amazonas. “Parabéns DPE, parabéns Parintins e a população do Baixo Amazonas por ter, a partir de agora, três novos defensores públicos. Tenho a certeza que eles vão realizar um excelente trabalho e a Comissão de Segurança Pública vai manter essa parceria com a DPE”, disse.

Os três novos defensores públicos foram apresentados pelo defensor público-geral da DPE-AM, Rafael Barbosa em cerimônia foi realizada segunda-feira (11) no Plenário Raimundo Almada da Câmara Municipal de Parintins, juntamente com o presidente da Casa parlamentar, vereador Telo Pinto, os vereadores Cabo Linhares, Beto Farias e o prefeito em exercício, Tony Medeiros.

Reforço

O trio reforçará o trabalho realizado pela defensora pública Luíse Torres de Araújo Lima e pelo defensor Inácio Navarro, coordenador do Polo de Parintins. Além dos moradores da Ilha Tupinambarana, o Polo Zeca Pontes vai atender as populações dos municípios de Nhamundá, Barreirinha e Boa Vista do Ramos.

Para o defensor geral Rafael Barbosa, a chegada dos novos defensores a Parintins era um compromisso da Defensoria. “Quando estive pela primeira vez em Parintins para montar o polo, prometi que o município nunca voltaria a ficar sem defensor público. Estamos cumprindo com esse compromisso. A nossa meta é fazer isso em todos os polos como em Itacoatiara e Humaitá. A partir da gestão que estou concluindo, a Defensoria nunca mais deixará de estar presente, pelo menos, nos polos. Parintins agora está com cinco defensores que vão atuar não só no município, mas também em Nhamundá, Barreirinha e Boa Vista do Ramos, e isso é um grande avanço para o assistido que é o nosso maior objetivo”, destacou.

Fortalecimento

De acordo com o defensor Rodolfo Lobo, o reforço ao polo de Parintins demonstra não apenas a interiorização e o crescimento da Defensoria, mas o fortalecimento da instituição enquanto agente de transformação. “Ingressamos na Defensoria para transformar e para construir justiça social com a população e temos convicção que faremos isso em Parintins, porque a Defensoria transforma realidades. Viemos de fora, mas hoje somos Amazonas e estamos em Parintins para trabalhar em conjunto com o poder público municipal, estadual e legislativo em favor da comunidade que mais precisa da nossa ajuda”, disse.

A defensora Roberta Barbosa lembrou da razão que a motivou a ingressar na Defensoria e afirmou estar empolgada para começar o atendimento ao cidadão. “Chegou o momento de executarmos aquilo que batalhamos para conquistar, que é a possibilidade de ajudar o cidadão por meio da Defensoria Pública, com assistência jurídica pública e atenção humana. Estamos ansiosos para começar a dar vazão à demanda de atendimento que o Polo de Parintins tem e felizes com a receptividade da população do município. Aonde vamos somos bem recebidos e isso é gratificante. De igual modo a população pode contar conosco”, falou.

Segundo a defensora Gabriela Andrade, há muito trabalho a ser feito e desafios a serem superados, mas ela destaca que as estratégias implementadas pela atual gestão da Defensoria fazem parte de um grande avanço para levar os serviços da DPE ao interior. “Nossa expectativa é de muito trabalho porque temos pela frente grandes desafios. Contudo, nosso objetivo é atender todas as pessoas que procurarem o Polo Zeca Pontes e fazer um trabalho de realmente efetivar a justiça social no Baixo Amazonas, contribuindo para o fortalecimento da Defensoria no interior”, ponderou.

 

Texto e Foto: Assessoria do Deputado

Gabinete do Deputado Cabo Maciel (PR)

Paulo Ferraz (92) -9425-2514

Jerson Aranha (92) 99156-0879

Antônio Lopes (92) 99103-5820