Na manhã desta terça-feira (13), em tribuna da Assembleia Legislativa do Amazonas (Aleam), o deputado Dermilson Chagas (PP) cobrou da Secretaria de Estado de Educação (Seduc), o pagamento dos agricultores e produtores rurais que fornecem alimentícios ao Programa de Regionalização da Merenda Escolar (Preme).

Dermilson afirma que todas as notas de pagamentos aos agricultores e produtores estão na Seduc, mas que até hoje a secretaria não as colocou como aptas. “Por isso, pedi para que os deputados da base do Governo articulem com o secretário Luiz Castro para que isso venha ser resolvido com urgência, porque são despesas mínimas comparadas ao orçamento, e que faz a diferença na vida dessas pessoas. Tenho certeza que se resolverem isso, o Governo, depois de tantos erros, vai marcar um gol de placa”, disse.

 

Fundeb

 

Além disso, Dermilson aproveitou para cobrar também o pagamento do décimo terceiro dos professores da rede pública estadual com o dinheiro do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb), pois o mesmo é verba federal e poderia diminuir a insegurança e o caos que está instaurado no Amazonas, devido à irresponsabilidade do Governo do Amazonas. Dizer que não tem dinheiro para mim, Isso é balela. Portanto, faço esse apelo”, disse.

 

 

Gabinete do Deputado Dermilson Chagas (PP)

Texto: Assessoria do Deputado

Diogo Dias (92) 98101-2940

Saadya Jezine (92) 99154-2124

Gabinete (92) 3183-4514 / 3304-3791

Foto: Márcio Gleyson