O presidente da Assembleia Legislativa (Aleam), Josué Neto, marcou para o dia 10 de Outubro a realização do maior evento de economia do Estado, onde será debatida “A Reforma Tributária e seus impactos para a Zona Franca de Manaus (ZFM)”. Ao lado do Conselho Regional de Economia do Amazonas (Corecon–AM), por meio do seu presidente, Francisco Mourão Júnior, o presidente Aleam pretende reunir nomes renomados da economia, política e entidades representativas do meio ambiente, no Auditório Belarmino Lins, durante todo o dia.

As articulações de Josué Neto, pela defesa do modelo Zona Franca de Manaus (ZFM), já começaram a surtir efeito e autoridades como o presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), já começaram a sinalizar adesão não só ao evento, mas também a intenção de trabalhar para manter os incentivos do Polo Industrial de Manaus (PIM) no texto da Proposta de Emenda à Constituição (PEC) 45/19 da Reforma Tributária.

Nos últimos dias, o presidente da Alem usou a Tribuna para falar da necessidade de união de todas as esferas, na defesa dos interesses econômicos do Estado. Ele iniciou conversas nos mais diversos grupos políticos, para cooptar apoio contra possíveis ataques aos incentivos do Polo Industrial de Manaus (PIM).

As investidas do Ministro da Economia, Paulo Guedes, contra a importância da ZFM para o país, que aconteceram de maneira recorrente ao longo dos últimos meses, são consideradas por Josué Neto como sinal de alerta. “A Zona Franca de Manaus é o maior modelo de preservação do meio ambiente do mundo. Nossa indústria não polui, não desmata e faz com que ao menos 90 mil homens e mulheres não tenham que desmatar”, ressaltou Josué Neto.

 

Audiência com o presidente da República

 

Para dar corpo às ações, o parlamentar também oficializou junto à Presidência da República, um pedido de Audiência com o presidente Jair Messias Bolsonaro (PSL). A iniciativa, que foi acompanhada pelos demais deputados da Casa, tem como objetivo sensibilizar o presidente da necessidade de fortalecimento do modelo, seus incentivos, recursos e investimentos. “As informações divulgadas recentemente ameaçam os investimentos no Polo Industrial da Zona Franca de Manaus, criam barreiras na criação de novas vagas de emprego e colocam em risco outros milhares de emprego ainda existentes”, diz trecho do documento protocolado.

 

 

Gabinete do Deputado Josué Neto (PSD)

Texto: Assessoria do Deputado

Joelma Muniz (92) 9395-5704

Foto: Joel Arthus