Em pronunciamento na manhã desta terça-feira (15), o deputado Adjuto Afonso (PDT) lamentou a notícia divulgada pelos veículos de comunicação sobre o encerramento das atividades da empresa Sony na capital amazonense, que trabalha com fabricação e comercialização de produtos eletrônicos no Distrito Industrial.

“Hoje, a Sony tem mais de 200 empregos diretos, mais de 48 anos no Brasil, e anuncia que vai fechar a fábrica em março de 2021. Isso é muito preocupante. Temos que rever, conversar com a Federação das Indústrias, com o Wilson Périco, do Centro das Indústrias, talvez a Sony possa ainda rever essa decisão. A Sony já está aqui há muito tempo, no Pólo Industrial de Manaus (PIM), quem não conhece e quem não tem um aparelho fabricado pela Sony no Estado do Amazonas? Ela está aqui quase desde o início da Zona Franca”, ressalta o deputado.

O parlamentar apelou ao Governo do Estado, à bancada federal, aos colegas deputados estaduais, que possam se unir em prol da empresa e buscar soluções. “Há possibilidade ainda, tendo em vista que temos quase sete meses pela frente, para tentar que a Sony não feche as portas. A preocupação também é de que outras empresas fechem e comecem a esvaziar o nosso Distrito Industrial, que hoje, certamente, é a nossa maior fonte de geração de emprego e renda”, disse.

Adjuto Afonso propôs aos colegas deputados uma reunião com a Federação das Indústrias do Estado do Amazonas (Fieam), Governo do Estado e demais órgãos ligados à indústria para discutir soluções para reverter a situação.

 

 

Gabinete do Deputado Adjuto Afonso (PDT)

Texto: Assessoria do Deputado

Nívia Rodrigues (92) 99983-6147 / 3183-4579

Foto: Ney Xavier